Logo

Agência Sergipe
de Notícias

Notícia

Litoral Sul de Sergipe receberá investimentos para potencializar turismo

Nos próximos anos, serão investidos cerca de R$ 100 milhões em prol do desenvolvimento do turismo
12 de Novembro de 2009 | 11:00

Brisa fresca, praias exuberantes com longas faixas de areia e mariscos frescos preparados na hora a preços acessíveis. Que o litoral sul de Sergipe reserva muitas vantagens a quem o escolhe para escapar da rotina não é mais novidade para muitos nativos das terras do cacique Serigy. Agora, o desafio aceito pela Secretaria de Estado de Desenvolvimento Econômico, Ciência e Tecnologia e do Turismo (Sedetec) é realizar investimentos e firmar parcerias em prol da ampliação da divulgação e do desenvolvimento econômico-social dos municípios donos de tamanho potencial.

Sergipe há algum tempo já está incluído no roteiro de diversas agências de viagem do país e as praias do litoral sul do Estado já vêm servindo de cartão-postal para centenas de turistas que freqüentam a região, o ano todo. As praias do Saco, Abaís, Pontal, Terra Caída, Caueira e Ilha do Sossego traduzem a beleza de toda a Costa das Dunas, na região sul de Sergipe.

Para que cada vez mais pessoas optem pelas praias sergipanas como refúgio e lazer, gerando emprego e ocupação à população residente nas localidades, o secretário do Desenvolvimento Econômico, Ciência, Tecnologia e do Turismo, Jorge Santana, esteve na região recentemente para, em companhia do prefeito do município de Indiaroba, João Eduardo, visitar os locais onde serão feitas uma série de melhorias. Os investimentos no turismo em Sergipe são feitos com recursos do Programa de Desenvolvimento do Turismo ( Prodetur - Nacional).

Turismo

No último mês de setembro, o Ministério do Turismo, entendendo o potencial das praias que compõem a beleza natural da região do município de Indiaroba, aprovou a liberação de R$ 7,100 milhões em recursos do Prodetur para a pavimentação da rodovia Convento-Pontal - a SE/285, uma das de maior interesse turístico do litoral sul sergipano. Não à toa. A estrada de 8,5 km que leva o turista a um estuário de paisagem exuberante é acesso fácil à Praia do Saco e atracadouro natural de travessia para o povoado de Mangue Seco.

Segundo o secretário Jorge Santana, a licitação e a ordem de serviço para  início da pavimentação da estrada já foram realizadas. Durante a passagem pela rodovia, o prefeito João Eduardo convidou o secretário Jorge Santana a conhecer mais de perto as belezas do Pontal. "O Pontal, por ser atracadouro para a travessia até Mangue Seco, já vem praticando o comércio informal de maneira intensa. Nossa intenção agora é ampliar estas parcerias que proporcionam uma maior estrutura, para criar vagas de empregos formais e promover a inclusão da população local pela renda", explicou. Ainda de acordo com José Eduardo, a costa do povoado é valorizada por banhistas pela extensão da praia ser plana e segura, sem irregularidades, ideal para passeios em família.

Indiaroba fica entre os rios Sergipe ao norte e Real ao sul. Foi por quase um século, território alvo de disputas entre os municípios de Abadia, localizado do lado da antiga Província da Bahia, e Santa Luzia do Rio Real - hoje Santa Luzia do Itanhi, do lado de Sergipe.

Desenvolvimento Econômico

A bordo de uma lancha, o prefeito João Eduardo levou o secretário Jorge Santana para conhecer os locais às margens do Rio Piauí onde há potencial para a instalação de estaleiros - locais onde se constroem, guardam e reparam-se embarcações e derivados. De acordo com Jorge Santana, duas empresas do segmento estão demonstrando interesse em se fixar no local, o que por conseqüência gerará vagas de emprego para a população local."Para incentivar estas empresas, a Sedetec está realizando os estudos de batimetria - com o intuito de conhecer a profundidade das águas - os quais produzem informações técnicas essenciais para a instalação das empresas", explicou.

Para o secretário, todas as ações da Sedetec de incentivo à interiorização do desenvolvimento significarão para os municípios do sul sergipano geração de emprego e renda e resolução de problemas sociais que afetam a região. "O emprego e a ocupação reduzem a necessidade e a dependência de políticas públicas compensatórias. O desenvolvimento econômico anda junto com o desenvolvimento social", apontou.

Novos destinos

Ainda com recursos do Prodetur, outra rodovia de relevância para o Turismo e o desenvolvimento da região sul de Sergipe, a que liga o município de Santa Luzia do Itanhi ao povoado de Crasto, será pavimentada. Serão investidos R$ 4,700 milhões para a colocação de manta asfáltica nos 7,5 km da estrada.

Além da pavimentação da rodovia, o povoado do Crasto - que sobrevive basicamente da pesca e captura de mariscos e crustáceos - receberá a implantação e a melhoria de sua infraestrutura turística. Para incluir de vez o povoado no roteiro dos passeios fluviais realizados na região, o atracadouro passará por uma reforma e será construído um terminal de atendimento ao turista.

Para dar maior base aos pescadores do Crasto na realização das suas atividades, será construída uma área de apoio, com um píer, além de obras complementares. Para a conclusão das melhorias e ampliações com excelência, serão investidos R$ 740 mil em recursos do Prodetur.

Estas e outras ações estão previstas na política de turismo desenvolvida pelo Governo do Estado, que pretende promover Sergipe como o mais novo destino turístico do Nordeste.  Além de obras estruturais, o Prodetur apóia ainda ações de divulgação, com a veiculação de peças publicitárias na mídia dos principais pólos emissores de turistas, e contribui com outras obras em andamento, as quais se revestem de grande significado para o turismo sergipano, a exemplo da Rota do Sertão, da Ponte Joel Silveira e da ponte Estância-Indiaroba.

Prodetur

O Prodetur Nacional é uma linha de financiamento firmada através de um convênio entre o Governo Federal e o Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID). Dos R$ 100 milhões em recursos que serão destinados a Sergipe nos próximos anos, 50% serão de contrapartida, sendo 40% do Governo Federal e 10% sob responsabilidade do Governo do Estado.

As ações do Governo de Sergipe em prol do desenvolvimento do turismo ganharam ainda mais corpo após a consolidação dos investimentos em infraestrutura, capacitação, serviços, qualificação do destino, gestão ambiental e fortalecimento institucional que apontaram no Estado, a partir deste ano.

Além das ações no sul do territótio sergipano, o Prodetur Sergipe prevê ainda a construção de espaços de lazer, recuperação de prédios históricos, implementação do turismo como gerador de renda em pequenas comunidades, promoção turística, entre outros investimentos em todo o Estado, que deverão ser implementados até 2012.

  • Medium e01af2a77b6f1bd944a6617a8b6f6f11
Medium e01af2a77b6f1bd944a6617a8b6f6f11