Logo

Agência Sergipe
de Notícias

Notícia

Quarenta crianças do Clube dos Desbravadores recebem informações do Doador do Futuro

A palestra prepara o cidadão para contribuir com o serviço de doação de sangue
06 de Agosto de 2012 | 08:29

O último sábado, 4, foi de aprendizado para 40 crianças do Clube dos Desbravadores da Igreja Adventista do Sétimo Dia. Elas participaram da palestra relativa ao projeto Doador do Futuro do Centro de Hemoterapia de Sergipe (Hemose), cuja finalidade é preparar o cidadão para contribuir com o serviço de doação de sangue na fase da adolescência, a partir dos l6 anos de idade.

Reunidos no auditório do Hemocentro, crianças e adolescentes que saíram dos municípios de Santo Amaro das Brotas e povoado Brasília, em Lagarto, assistiram a palestra ministrada pela assistente social, Sandra Medeiros Pantaleão, junto com um vídeo de sensibilização de pacientes internados em hospitais, que precisam da doação de sangue para sobreviver.

Karoline Silva Evangelista, 13 anos, estudante do Ensino Fundamental, conta que reside no povoado Brasília e saiu cedo de casa para participar do projeto Doador do Futuro. Atenta às informações, ela relata que achou a palestra interessante. “Hoje eu aprendi muito sobre a importância do sangue”, diz.

Elder da Silva Carvalho, 13 anos, reafirma que ter conhecimentos das informações sobre a doação de sangue é importante para o futuro. “Quem sabe se no futuro eu não vou precisar ou alguma pessoa da minha família. Com fé em Deus vou ser um doador quando tiver idade”, avisa.

Após a palestra, Andrevaldo da Cruz Alves, 12 anos, também disse que, no futuro, será um doador. “Doar sangue é fazer renascer uma pessoa, por isso a gente tem que se preparar para ajudar. Quando eu tiver idade, vou pedir a meus pais para vim aqui doar, quero poder ajudar nossos irmãos em Cristo”, destaca.

Doação

A realização do projeto Doador do Futuro conta também com a doação de sangue. Neste sábado, outro grupo, composto por 30 de adultos da Igreja Adventista, contribuiu com o estoque de sangue do Hemocentro de Sergipe.

A dona de casa, Cleide Maria Santos Cruz, 53 anos, informa que reside no município de Santo Amaro e decidiu vir ao Centro de Hemoterapia para colaborar com o serviço. “Eu nunca tinha pensado em doação, mas o nosso pastor falou na igreja desse trabalho com o Hemose, por isso decidi ajudar doando meu sangue”, frisa.

Multiplicação

O projeto Doador do Futuro tem como finalidade preparar o cidadão, ainda na infância, para contribuir com o serviço de doação de sangue, ao atingir a idade adulta. Outro pilar do projeto trata da formação de agentes multiplicadores das informações sobre a importância da doação de sangue e da doação de Medula Óssea. Para essa sensibilização, o público alvo são os profissionais das áreas de saúde e da educação.

As instituições interessadas em formatar uma parceria para impulsionar os serviços de coleta de sangue e o cadastro de doação de medula óssea em Sergipe, devem entrar em contato com o Serviço Social, de segunda a sexta-feira, das 8h às 16h. Mais informações através dos telefones (79)3225-8000 e 3259-3174.