Logo

Agência Sergipe
de Notícias

Notícia

Cultivo do camarão é fruto de pesquisa financiada pela Fapitec

A pesquisa é desenvolvida por três alunos do 2º ano do ensino médio, juntamente com professores do Centro Estadual de Excelência Deputado Jonas Amaral, localizado no complexo Taiçoca, em Nossa Senhora do Socorro
22 de Fevereiro de 2019 | 08:50

O camarão é um produto que possui grande valor comercial e gastronômico em Sergipe, e a atividade tem atraído o interesse de produtores no município de Nossa Senhora do Socorro. Em 2017 a Assembleia Legislativa de Sergipe aprovou a lei nº 8.327 que define a carcinicultura como atividade agrossilvipastoril, de relevante interesse social e econômico, estabelecendo as condições para o seu desenvolvimento sustentável. 

Neste contexto, o Programa Institucional de Bolsas de Iniciação Científica Júnior (PIBICJR), realizado pelo Governo do Estado, por meio da Fundação de Apoio à Pesquisa e à Inovação Tecnológica (Fapitec), contemplou com duas bolsas o projeto que analisa criação de camarão (carcinicultura) e os processos que envolvem as relações de trabalho e o meio ambiente. A pesquisa é desenvolvida por três alunos do 2º ano do ensino médio, juntamente com professores do Centro Estadual de Excelência Deputado Jonas Amaral, localizado no complexo Taiçoca, em Nossa Senhora do Socorro.

Os estudantes que participam do projeto são Erinaldo José Santana, Emylaine Santos Félix e Chrystian Cauã Souza Mota, todos do 2º ano do Ensino Médio de Tempo Integral. De acordo com a pesquisadora e professora de sociologia, Agrimária Nascimento Matos, a ideia do projeto surgiu por meio de atividades escolares que estudavam a história do município e suas características econômicas e sociais, onde foi observada com destaque o crescimento da criação de camarão no complexo Taiçoca, em Nossa Senhora do Socorro. Ainda de acordo com professora, o objetivo da pesquisa é estudar essa atividade econômica como geração de renda e seus possíveis os impactos ambientais.

“Nós começamos fazendo um levantamento teórico das pesquisas que já haviam sido feitas sobre a criação do camarão, a coleta de dados na Secretaria de Agricultura Irrigação e Pesca e Secretaria Municipal de Meio Ambiente, banco de dados de pesquisas da Universidade Federal de Sergipe (UFS) e entrevistas com produtores do camarão” explica a pesquisadora.

Mais conhecimento

Para um dos bolsistas Fapitec, Erinaldo José Santana, 17 anos, a experiência de participar deste projeto é importante porque proporciona que ele conheça a forma técnica da criação do camarão e a relação dos criadores com o meio ambiente. Erinaldo passou parte da infância brincando nos viveiros deste crustáceo onde o pai fazia o cultivo.

“Antes eu brincava nos locais de cultivo, agora com a oportunidade de ser pesquisador, o contato com a carcinicultura é diferente, realizo entrevistas com os criadores, conheço as tecnologias e produtos químicos utilizados na criação e vejo também como o cultivo modifica o ambiente”, afirma o pesquisador.

Já a diretora do Centro Estadual de Excelência Deputado Jonas Amaral, Patrícia Pereira Santos, o projeto oferece aos estudantes mais conhecimento. “Esse projeto traz aos alunos um grande amadurecimento. E a partir do próprio exemplo, eles acabam motivando e incentivando os seus colegas a também participarem de outros projetos. Além disso, eles trazem para a escola os conhecimentos adquiridos sobre a criação de camarão, que faz parte da cultura da região, mas que muitos ainda não conhecem”, disse.

Ao final da pesquisa será feito um feito um artigo científico e uma cartilha para difundir os conhecimentos. O projeto foi iniciado em maio de 2018 com previsão de término para abril deste ano.

  • Medium b7feeb1d07dc90c4a29159c176b0253d
  • Medium bd1b57407bda162a0d6df9aa39217d99
  • Medium a43a35029ddace1ebe09d8308c31291c
  • Medium 1d20e0a7ef328ebb578d9e1d3cab73ce
  • Medium 88337b799b2fa5f532a51926ceccc1ec
  • Medium 1eb42de2fd16411382e4c876ecbe4baa
Medium b7feeb1d07dc90c4a29159c176b0253dMedium bd1b57407bda162a0d6df9aa39217d99Medium a43a35029ddace1ebe09d8308c31291cMedium 1d20e0a7ef328ebb578d9e1d3cab73ceMedium 88337b799b2fa5f532a51926ceccc1ecMedium 1eb42de2fd16411382e4c876ecbe4baa